Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]

Edição 67. Destino

Chiharu Shiota
Chiharu Shiota

Nascida em Osaka em 1972, Shiota vive e trabalha em Berlim.

Confrontando preocupações humanas fundamentais como a vida, a morte e os relacionamentos, a artista explora a existência humana através de várias dimensões, criando uma existência na ausência tanto nas suas instalações de grande escala, que incluem uma variedade de objetos comuns e memorabilia externa, como através dos seus desenhos, esculturas, fotografia e vídeos.

Em 2008, recebeu o Prémio de Incentivo à Arte do Ministro da Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia do Japão.

Expôs individualmente em todo o mundo, incluindo: na Art Gallery of South Australia (2018); no Yorkshire Sculpture Park, no Reino Unido (2018); na Power Station of Art, em Xangai (2017); no K21 Kunstsammlung Nordrhein-Westfalen, em Düsseldorf (2015); na Galeria Arthur M. Sackler da Smithsonian Institution, em Washington DC (2014); no Museum of Art, em Kochi (2013); e no National Museum of Art, em Osaka (2008), entre outros.

Participou também em inúmeras exposições internacionais, como o Festival Internacional de Arte de Oku-Noto (2017), a Bienal de Sydney (2016), a Trienal de Arte Echigo-Tsumari (2009) e a Trienal de Yokohama (2001).

Em 2015, Shiota foi seleccionada para representar o Japão na 56.ª Bienal de Veneza.

 

https://www.chiharu-shiota.com/

© 2019 | all rights reserved. design by 004 F*@#ing Ideias